Previous
Next
Previous
Next

Coca-Cola perde 4 bilhões de dólares após gesto de Cristiano Ronaldo

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on whatsapp

Um gesto do jogador de futebol Cristiano Ronaldo em uma coletiva de imprensa nesta segunda-feira (14) custou caro para a Coca-Cola. É que o ele tirou duas garrafinhas do refrigerante de sua frente no momento da entrevista e, em seguida, levantou uma garrafa de água.

A atitude do jogador deu a entender que o ideal é beber água e não Coca-Cola. Após isso, já nesta terça (15), as ações da empresa caíram radicalmente.

A marca sofreu uma desvalorização na bolsa de valores e teve uma queda de 4 bilhões de dólares.