Previous
Next
Previous
Next

Diretor da Globo decide abrir o jogo e fala o que pensa sobre situação de José Mayer

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on whatsapp

José Mayer viu sua carreira declinar após uma acusação de assédio por parte de uma das figurinistas do canal, que não levou o caso adiante e por isso, ele não responde judicialmente.

O veterano vem passando uma fase conturbada em sua vida pessoal. Ele se deixou abater bastante por conta de toda polêmica e por isso teria ficado em depressão ao ver o fim da carreira.

Por conta disso, o artista tem quem o defenda, como é o caso de Silvio de Abreu. O atual diretor executivo de teledramaturgia da emissora carioca participou de um evento na última segunda-feira (20), e conversou com o TV Fama sobre o ator acusado de assédio em 2017.

“Ele errou, já foi punido. Na verdade, isso é o que eu ouço, pois não estava lá, mas acho que ele é um grande ator e tem que voltar sim para as novelas”, defendeu o profissional.

Como é de conhecimento, José Mayer está afastado temporariamente das produções da Globo. Ele estaria em O Sétimo Guardião, próxima novela das 21h, mas já foi substituído.

Recentemente, surgiu a notícia de que o ator tem suplicado por uma nova chance para o diretor e autor Silvio de Abreu, mas até agora não conseguiu. José segue contratado e recebendo salário da Globo. Em nota enviada, a assessoria da emissora nega que o ator tenha procurado o diretor de teledramaturgia: “O ator não procurou o Silvio para nada. Se ele entrou em contato com outro autor, a gente já não sabe”. O veterano tem contrato até 2019.

FIGURINISTA QUE ACUSOU O ATOR CHOCA COM REVELAÇÃO

Su Tonani, figurinista que acusou José Mayer de assédio e não foi até o final na justiça, compareceu nesta terça-feira (14) em uma palestra especial sobre a Mulher e o Trabalho na OAB-RJ. Segundo o A Tarde é Sua de Sonia Abrão, a figurinista que ficou nacionalmente conhecida por conta das acusações contra o ator, falou sobre o episódio, mas sem citar o nome de José Mayer. Su Tonani usou o termo “assediador” para se referir ao ator no episódio.

No evento especial que ocorreu no Rio de Janeiro, jornalistas estavam presentes e quiseram saber a grande questão: “Afinal por que Su Tonani não levou a denúncia até a esfera da justiça” como se imaginava.

Em sua fala, Su Tonani falou sobre o episódio envolvendo José Mayer sem citar o ator, mas reiterou que a velha desculpa que foi criado em uma sociedade machista não cola. Na verdade, a ex figurinista da TV Globo se referia a fala de José Mayer, que logo após toda a polêmica vir à tona escreveu uma carta na época onde se desculpava e afirmava ter crescido em uma sociedade diferente:

“Venho para representar não só uma história de assédio, que ocorreu e se tornou pública, mas também para lembrar que fui extremamente abraçada por um grupo de mulheres e foi isso que tornou o meu relato conhecida. .Essa solidariedade, que torna tudo isso, um lugar para discutir. A desculpa que eu fui criado por uma sociedade machista, desculpa gente. Não dá mais para ter essa desculpa

“Eu vivi uma história de assédio que foi para a mídia, depois foi para várias instâncias de uma empresa, porque infelizmente as empresas não estão preparada para lidar com assédio, não existe um protocolo” “O cara sabe o que está fazendo quando ele elogia sua bunda, fala do seu decote, nós estamos aqui, temos que ter voz. Não importa quem seja, nós temos que ter consciência do próprio corpo e lutar por nós mesmos”

Fonte. noticiaextra.com