Previous
Next
Previous
Next

‘Fale para as pessoas que você ama enquanto elas estão vivas’, diz pai de Gabriel Diniz

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on whatsapp

O pai do cantor Gabriel Diniz, Francisco Diniz, se emocionou durante o velório do filho na manhã desta terça-feira (28). Ele falou da alegria de Gabriel, do jeito batalhador do filho e deixou um recado: “fale para as pessoas que você ama enquanto elas estão vivas. Eu disse isso várias vezes a ele”.

“Ele tinha um grande sonho que era mostrar que pode fazer música diferente, ser diferente e alcançar os sonhos se batalhar por isso”, disse.

O pai contou que o sonho de Gabriel não era nada material. “Ele nunca vislumbrou casa bacana, ele queria ser reconhecido como um cara que ditou a regra em algum momento na música e ele fez isso e queria mais, queria chegar chegando com irreverência, botar a língua para fora e não ser esquisito”, lembrou.

Francisco ainda destacou que o cantor era um trabalhador incansável, com coração extraordinário, que ajudava as pessoas. “Ele tinha potencial para muito mais”, disse.

O pai disse que é difícil dar uma resposta sobre o legado de Gabriel e que hoje o foco é em fazer o melhor para ele, afirmando também que não sentiu firmeza em relação à viagem do filho, porém completou: “se não fosse o avião, seria a balsa, o ônibus, era o dia dele e vai ser o meu, o seu, todos têm seu dia”, finalizou.

José Gabriel de souza Diniz, Filho de Francisco Diniz e Ana Maria de Souza Diniz, nasceu em Campo Grande, Mato Grosso do Sul, em 18 de outubro de 1990. Conhecido como Gabriel Diniz, foi um cantor e compositor brasileiro. No dia 1° de abril recebeu o título de cidadão paraibano na Assembleia Legislativa.

Na adolescência, Gabriel se mudou para João Pessoa onde reuniu-se com amigos da escola e criou uma “Banda de Coragem”, se tornando a sensação entre a juventude da cidade. Também foi vocalista das bandas Forró na Farra e Cavaleiros do Forró. Na época, o cantor cursava faculdade de Engenharia Elétrica e dividia seu tempo entre os estudos e a música.

Em sua carreira solo, o cantor possui seis álbuns lançados como: GD at the park – ao vivo (2016); GD Live – 2016; GD Verão – 2016; GD – 2017; Gabriel Diniz na Ilha – 2018 e À Vontade – 2019.

Gabriel tornou-se nacionalmente conhecido pelo single ‘Jenifer’, o qual ficou em primeiro lugar entre as canções mais tocadas nas rádio e paradas de Streaming do Brasil, consolidando-se como hit do verão de 2019.

Morte:

Após realizar uma apresentação na cidade de Feira de Santana, na Bahia, Gabriel seguiu com destino à Maceió (AL), para comemorar o aniversário da namorada. O Monomotor em que o cantor estava, caiu em Estância, no Sul do Sergipe. Morreram no acidente, além de Gabriel, Linaldo Xavier e Abraão Farias.

Médicos do Instituto Médico Legal confirmaram que o impacto da queda foi responsável pela morte das vítimas, o que ocasionou diversos traumatismos torácicos, abdominais e cranianos.

De acordo com as primeiras informações, a aeronave uma Piper Cherokee PT-KLO não poderia operar voos privados ou táxi aéreo. De acordo com os registros da Agência Nacional de Aviação Civil, o avião era destinado exclusivamente às atividades de ‘instrução, adestramento de voo por aeroclubes, clubes ou escolas de aviação civil’. A aeronáutica afirmou que as causas do acidente seriam investigadas.

O avião caiu no início da tarde, era por volta das 12h30.

Paraiba.com.br