Previous
Next
Previous
Next

Juiz da partida entre Fla e Vasco denuncia na súmula agressões sofridas

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on whatsapp

O empate de 4 a 4, entre o Flamengo e Vasco, terminou com uma confusão generalizada no centro do gramado do estádio do Maracana. O juiz foi agredido verbalmente por cartola rubro-negro e ainda teve agressão de dirigente vascaíno.

Na súmula, o árbitro Wilton Pereira de Sampaio chegou a relatar que recebeu vários xingamentos agressivos de Paulo Pelaipe, gerente de futebol do Flamengo. O dirigente chegou a fazer, na oportunidade, até referência ao quadro da Fifa.

Atletas das duas equipes também discutiram e até protagonizaram um empurra, empurra.

Alguns trechos da Súmula:

“Enquanto a equipe de arbitragem se dirigia ao vestiário, após o término da partida, o senhor Paulo Pelaipe, gerente de futebol da equipe do C.R. Flamengo, que se encontrava no túnel de acesso, proferiu as seguintes palavras: “Wilton, seu safado, pega esse escudo da Fifa e enfia no seu c…”.

Representante brasileiro na última Copa do Mundo, Wilton também externou no documento oficial objetos atirados no gramado, em dois momentos distintos – no primeiro e no segundo tempo – pela torcida do Flamengo, o mandante da partida e que contava com cerca de 70% do público total.

Os objetos (copos) foram arremessados em direção a atletas do Vasco, de acordo com a súmula. O Flamengo, agora, fica de olho em uma possível punição nesta reta final de Brasileiro.