Previous
Next
Previous
Next

Live de grupo de pagode é interrompida depois de tiroteio em Angra dos Reis-RJ

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on whatsapp

Um show transmitido ao vivo por redes sociais do grupo de pagode “Aglomerou” foi interrompido por uma operação da Polícia Civil em Angra dos Reis neste domingo. Enquanto a banda tocava “Compasso do Amor”, do grupo “Revelação”, os agentes entraram no local acreditando que ocorria uma festa clandestina.

Pelas imagens é possível ver que antes da música ser interrompida algumas pessoas da produção foram abordadas pelos policias e levantaram as camisas para mostrar que não estavam armados. Quando a banda percebeu a presença dos agentes, o show foi interrompido e os músicos saíram agachados pela frente das câmeras.A banda parou e os integrantes saíram agachados para atrás das câmeras.

Grupo Aglomerou – About | Facebook

Um agente correndo com um fuzil empunhado chegou a passar em meio aos integrantes. Ao fundo também é possível ver a presença de um helicóptero da corporação que dava apoio aos policiais.

Em um outro vídeo gravado dentro da casa durante a operação, além de som de tiros, algumas pessoas diziam que os policiais erraram a casa. João Victor Costa, vocalista da banda, relatou os momentos de tensão durante a abordagem. Ele acredita que o som da música ao vivo atrapalhou os policiais:

— Tudo ocorreu em menos de um minuto. Eles ouviram a música ao vivo, viram a porta aberta e acharam que estavam na casa certa porque estavam procurando um local com uma festa. Durou tudo menos de um minuto e assim que eles perceberam o erro foram pela orla em direção a casa certa — narra.

O local em que a apresentação acontecia é uma casa de festas da cidade a beira-mar no bairro Ribeira:

— Não entendemos nada na hora. Percebi o helicóptero voando baixo, e logo depois apareceram os policiais. Depois, quando eles já estavam dentro da casa ouvimos alguns tiros, mas eram um pouco longe. No sábado quando vimos montar o equipamento a gente percebeu que estava rolando uma festa aqui perto que continuou até hoje — completa o vocalista.

Redação com jornal Extra