Previous
Next
Previous
Next
Previous
Next
Previous
Next

Maio Amarelo: João Azevêdo anuncia aumento na fiscalização para reduzir acidentes de trânsito na Paraíba

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on whatsapp

O governador João Azevêdo (PSB) anunciou, nesta quinta-feira (02), o aumento na fiscalização para reduzir os acidentes de trânsito na Paraíba. O Governo do Estado também pretende aumentar os pátios para apreensão de veículos e motocicletas. As medidas foram anunciadas durante o lançamento do Movimento Maio Amarelo, na Paraíba, em solenidade no Hotel Tambaú. “Nos últimos anos, houve uma redução de 9% nos acidentes. Mas ainda não é suficiente, temos que reduzir cada vez mais”, disse João Azevêdo.

De acordo com o governador, somente este ano, já morreram 182 pessoas em acidentes de veículos na Paraíba. A campanha promovida pelo Departamento Estadual de Trânsito da Paraíba – Detran vai percorrer todo o Estado. No ano de 2018, o Detran contabilizou 828 óbitos durante acidentes entre veículos no Estado da Paraíba.

“É uma campanha importante, considerando que o Brasil vive uma situação no trânsito extremamente preocupante, afinal de contas são 40 mil pessoas que morrem em acidentes de trânsito. Então essas campanhas que são feitas visam fazer com que essa redução de acidentes efetivamente comece a acontecer”, disse o governador, destacando a maior quantidade de acidentes de motos. A meta estabelecida pela Organização Mundial de Saúde é reduzir o número de acidentes para 19 mil em 2020.

No interior, principalmente, os motociclistas não respeitam a legislação de trânsito, não utilizam capacete, excedem a quantidade de pessoas nos veículos, entre outras irregularidades.

“É fundamental que nós tenhamos fiscalização, sim. Só a fiscalização faz com que um cidadão quando sai de casa em um veículo, em uma moto, sabendo que pode ser apanhado em uma blitz, comece a pensar. Em países da Europa, temos uma abordagem por veículos em torno de um para cinco, uma para seis, ou um para dez; no Brasil é um para quinhentos. Isso dá uma folga muito grande, as pessoas saem de casa com a certeza de que talvez nem encontrem uma fiscalização”, disse João, destacando a importância, também, de aumentar a educação de trânsito nas escolas.

De acordo com o superintendente do Detran-PB, Agamenon Vieira, haverá fiscalização nos municípios paraibanos, inclusive nos que têm a gestão do trânsito municipalizada, por meio de parcerias.

click pb