Anterior
Próximo
Anterior
Próximo

Mais de 200 mil doses de vacina para imunizar crianças contra o sarampo foram enviadas à Paraíba

O Ministério da Saúde já encaminhou mais de 200 mil doses de vacina tríplice viral para vacinar a população infantil na Paraíba. A segunda etapa da Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza (gripe comum) e o sarampo começou na última segunda-feira (02). Nesta nova fase, os postos de vacinação seguem abertos para receber crianças com idades entre 6 meses e menores de 5 anos (4 anos, 11 meses e 29 dias) para vacinação contra gripe e sarampo e o público de outros grupos prioritários na segunda fase da campanha de influenza.

Vale lembrar que esse público pode receber simultaneamente as vacinas influenza e tríplice viral sarampo. Não há necessidade de cumprir intervalo para a aplicação das doses. Dessa forma, as duas vacinas poderão ser administradas no mesmo dia. A campanha vai até o dia 3 de junho em todo o País.

A orientação do Ministério da Saúde é que o público de todos os grupos prioritários busque os postos de vacinação para que o Brasil tenha alta cobertura vacinal. O objetivo da campanha é interromper a circulação do sarampo e prevenir o surgimento de complicações decorrentes da gripe, evitando novos óbitos e possível pressão sobre o sistema de saúde.

Cerca de 50 mil pontos espalhados pelo Brasil estão preparados para receber os brasileiros, que fazem parte do público-alvo da mobilização. Cabe ressaltar que idosos e trabalhadores de saúde que não se vacinaram na primeira etapa da mobilização serão atendidos na segunda fase.

A Campanha começou no dia 4 de abril. No último sábado, o Governo Federal realizou o “Dia D”, dia de mobilização nacional para receber os idosos acima de 60 anos, trabalhadores da saúde e crianças.

Confira os grupos:
2ª etapa – de 02/05 a 03/06
• Crianças de 6 meses a menores de 5 anos de idade (4 anos, 11 meses e 29 dias) – vacinação contra gripe e sarampo;
• Gestantes e puérperas;
• Povos indígenas;
• Professores;
• Comorbidades;
• Pessoas com deficiência permanente;
• Forças de segurança e salvamento e Forças Armadas;
• Caminhoneiros e trabalhadores de transporte coletivo rodoviário de passageiros urbano e de longo curso;
• Trabalhadores portuários;
• Funcionários do sistema prisional;
• Adolescentes e jovens de 12 a 21 anos de idade sob medidas socioeducativas;
• População privada de liberdade.
Atenção! Os idosos e trabalhadores da saúde ainda não vacinados podem buscar os postos de vacinação, mesmo na segunda etapa.

Vacina influenza

A vacina Influenza utilizada pelo Sistema Único de Saúde (SUS), produzida pelo Instituto Butantan, é a trivalente. A formulação é anualmente atualizada para proteger a população alvo da vacinação contra os vírus da gripe que mais circularam no ano anterior. A vacina disponibilizada para a Campanha de 2022 protege contra as cepas H1N1, H3N2 e tipo B.

Vacinação de crianças contra gripe

Para crianças de seis meses a menores de 5 anos, que já receberam ao menos uma dose da vacina Influenza ao longo da vida em anos anteriores, deve-se considerar o esquema vacinal com a apenas uma dose em 2022. Já para as crianças que serão vacinadas pela primeira vez, a orientação é agendar a segunda dose da vacina influenza para 30 dias após a primeira dose.

clickpb