Previous
Next
Previous
Next
Previous
Next
Previous
Next

Marcelinho fala em dever cumprido após primeira conquista com a camisa alvinegra

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on whatsapp

Natural de Campina Grande, Marcelinho Paraíba já teve passagens por Campinense e Treze, os dois maiores clubes da cidade. No Rubro-Negro, o jogador iniciou a sua jornada no futebol. Mas foi no Treze que o meio-campista realmente entrou na história do clube. Aos, 43 anos, Marcelinho foi um dos principais nomes na campanha do Galo na Série D do Campeonato Brasileiro. Entre idas e vindas desde 2016, quando teve a sua primeira passagem pelo Alvinegro, o jogador teve o acesso para a Série C como maior conquista com a camisa do time que o abraçou. Mas ele ainda quer mais e garante que o Treze vai seguir na briga pelo título.

– O sentimento é de dever cumprido. Desde que cheguei no Treze eu falei que queria conquistar algo. Ano passado a gente conseguiu vagas para disputar quatro competições. Teve a Copa do Nordeste, Copa do Brasil, Série D. A gente sabia que tinha condições de chegar. Infelizmente não fomos tão bem no começo do ano, saímos de três competições. Mas com a chegada dos novos jogadores e de Flávio Araújo o time melhorou muito e chegamos aqui – avaliou o meio-campista.

A conquista é ainda mais especial para o jogador após uma rápida retrospectiva de tudo que Marcelinho passou em 2018. Questionado durante a participação no Campeonato Paraibano, Copa do Nordeste e Copa do Brasil, o atleta ainda teve um grave problema de saúde – um acidente vascular cerebral – que quase tira o jogador da vida no futebol. Além disso, enfrentou problemas pessoais que afastaram o jogador dos gramados.

Mesmo assim, a torcida do Treze teceu apoio incondicional ao jogador que ainda mostrou toda a experiência como um verdadeiro líder e ajudou a levar o Galo para os caminhos da terceira divisão do Brasileirão. E não para por aqui. O meia foi claro e declarou que pretende levantar o título da Série D.

– Eles (torcedores) nos deram força e confiança. A gente pôde retribuir com o acesso a todos eles que acreditaram. Aos que vieram para Caxias e aos que ficaram em Campina Grande, podem ter certeza que agora nós vamos brigar pelo título – ressaltou Marcelinho Paraíba.

fonte. Ge