Previous
Next
Previous
Next
Previous
Next
Previous
Next

Ônibus voltam a circular em João Pessoa após paralisação de quatro horas

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on whatsapp

Os ônibus urbanos de João Pessoa voltaram a circular após quatro horas de paralisação. A informação foi confirmada pela Superintendência Executiva de Mobilidade Urbana de João Pessoa (Semob-JP).

Operadores de ônibus de João Pessoa pararam as atividades e bloquearam as imediações da Lagoa do Parque Solon de Lucena, na manhã desta segunda-feira (21), no Centro da Capital. Segundo o presidente do Sindicato dos Motoristas da Paraíba, Antônio de Pádua, o motivo da manifestação é o atraso de pagamento de salários por parte das empresas de ônibus. O protesto começou por volta das 9h e sem previsão de horário para término.

Ônibus parados

A orientação dada aos motoristas de ônibus é de que, ao chegar à Lagoa, eles não abram as portas de embarque de passageiros. Além do atraso no pagamento de salários, a classe reclama da concorrência com transportes clandestinos, mototáxis e transportes por aplicativos. O sindicato fala também em falta de fiscalização pelos órgãos públicos.

Imagens registradas pelo circuito de monitoramento da Superintendência Executiva de Mobilidade Urbana (Semob-JP) mostram a concentração de veículos no local do protesto.

Em frente à estação da Companhia Brasileira de Trens Urbanos (CBTU), pouco antes do Terminal Integrado do Varadouro (TIV), os motoristas também mantiveram os ônibus parados em um ponto no local.

Sindicato das empresas de ônibus negocia

O presidente do Sindicato das Empresas de Transporte Coletivo Urbano de Passageiros (Sintur), Isaac Júnior, confirmou que há atraso no pagamento dos salários. Ele informou que está no local da manifestação para negociar com o sindicato que representa os trabalhadores.

Sistema de ônibus de João Pessoa

Segundo consta no site da Semob-JP, o sistema de ônibus de João Pessoa tem 99 linhas convencionais, 559 ônibus que operam por meio de seis empresas divididas em dois consórcios. Por mês, o serviço transporta mais de 5,6 milhões de passageiros a uma tarifa que tem dois valores, sendo R$ 3,95 para pagamento em dinheiro e R$ 3,80 para bilhetagem eletrônica (cartão Passe Legal). A Semob não soube informar quantos são os usuários de ônibus em João Pessoa.

portal correio