Previous
Next
Previous
Next
Previous
Next
Previous
Next

Sedurb auxilia na fiscalização de aglomerações e reforça que não será permitida instalação de tendas na areia

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on whatsapp

Em virtude da pandemia do novo coronavírus, a Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP) não está autorizando este ano a instalação de tendas na areia das praias urbanas da Capital. O serviço anualmente era realizado pela Secretaria de Desenvolvimento Urbano (Sedurb), que cadastrava os interessados e, de maneira gratuita, viabilizava um espaço para instalação de uma tenda por família. Este ano, por causa da alta incidência de casos de Covid-19 em todo o Estado, as festividades na orla foram canceladas, bem como não será permitida a instalação de tendas. A Secretaria elaborou um esquema especial de fiscalização para que, em conformidade com o que solicitam os órgãos de saúde, possa atuar evitando aglomeração nesses espaços.

Atendendo à recomendação das Secretarias de Estado da Saúde (SES) e Municipal de Saúde (SMS), a Sedurb se prepara para fiscalizar e realizar um verdadeiro trabalho de conscientização junto a população da Capital. “Conforme a orientação dos órgãos de saúde, o momento é de se proteger e pensar também no próximo. Não estamos em cenário propício para aglomerações. As nossas equipes contam, antes de mais nada, com a cooperação por parte dos moradores da cidade, para que não instalem tendas na orla. Quando estávamos num momento propício, a autorização era liberada de maneira gratuita pela PMJP. No entanto, estamos vivenciando uma pandemia e, na Paraíba, houve uma grande ocupação de leitos de enfermaria e UTI”, destacou Zennedy Bezerra, secretário de Desenvolvimento Urbano.

“Entre 30 e 31 de dezembro teremos equipes de fiscalização realizando rondas mais intensas em toda a extensão das praias urbanas de João Pessoa. Estaremos atentos a possíveis instalações de tendas familiares e/ou comerciais, por parte de bares e restaurantes, uma vez que já foi informado oficialmente que não será permitido. O nosso pessoal está sendo orientado a trabalhar com o diálogo nessas ocasiões, para impedir a instalação. Lembrando sempre que o nosso trabalho está sendo pautado pensando na saúde coletiva”, lembrou Joubert Fonseca, diretor de Serviços Urbanos da Sedurb.

Festividades – Os órgãos de saúde orientam que as pessoas priorizem eventos virtuais e que, no caso de eventos presenciais, sejam realizados exclusivamente no âmbito familiar, em locais abertos e que exista o controle de pessoas.

Denúncias – Para denunciar aglomeração, a população pode acionar a Vigilância Sanitária pelo telefone 3214-7951 ou o Procon pelo 3214-3042. A Sedurb dará suporte ao trabalho desses órgãos. Caso o local seja de atuação da Secretaria, equipes serão acionadas para atuar nesses espaços.

 

wscom